Foliculite | Como identificar?


Olá esteticistas, hoje falaremos sobre um processo inflamatório relacionado à depilação.


Popularmente conhecida como "pelo encravado", a foliculite pode ser causada por bactérias, vírus ou fungos. As causas vão desde uma lesão ao se barbear, passando pelo atrito provocado devido ao uso de roupas muito apertadas, transpiração excessiva e ou condições inflamatórias da pele, como dermatite e acne, por exemplo. Porém, nos homens a incidência é maior, em virtude da chamada foliculite mecânica causada por maus hábitos na hora de se barbear. A foliculite pode ser superficial ou profunda. No primeiro caso, afeta apenas a parte superior do chamado "folículo piloso", caracterizada pelo surgimento de pequenas espinhas vermelhas, com ou sem pus; a pele pode ficar avermelhada e inflamada; causa coceira e sensibilidade na região.



São raros os casos de foliculite que causam complicações. Quando a inflamação atinge áreas mais profundas da pele, pode haver a formação de furúnculos. Os sintomas são grandes áreas avermelhadas; lesões elevadas com pus amarelado no meio; as áreas ficam muito sensíveis e doloridas e pode coçar também; em alguns casos a dor é intensa. As chances de cicatrizes são maiores nesses casos, e pode haver destruição do folículo piloso.

TIPOS DE FOLICULITE


Foliculite Estafilocócica - Ocorre quando os folículos pilosos são infectados com bactérias staphylococcus aureus (estafilococos). É caracterizada por coceira, inflamação com pus e pode ocorrer em qualquer região do corpo que possua pelos. Quando afeta área da barba de um homem, é chamada de coceira do barbeiro.

Foliculite por pseudômonas (foliculite da banheira quente) - As bactérias pseudomonas aeruginosa proliferam em ambientes aquáticos em que os níveis de cloro e o pH não são bem regulados, como banheiras de hidromassagem. A infecção aparece entre oito horas e cinco dias após a exposição à bactéria. São erupções vermelhas, que coçam, e mais tarde bolhas com pus podem aparecer também. Áreas que ficam úmidas por mais tempo são as mais propensas à infecção, como as áreas cobertas pela roupa de banho.

Pseudofoliculite da barba - Uma inflamação dos folículos pilosos na área da barba, afeta homens. Os pelos raspados ao crescerem se curvam e voltam para o interior da pele. Este processo leva à inflamação e, à vezes, cicatrizes na face e no pescoço. Há cuidados para prevenir. Usar o barbeador elétrico pode ser uma opção. Ao se barbear, procure utilizar água morna, massagear os pelos para que eles fiquem mais amolecidos, ao passar o barbeador faça-o no sentido do crescimento dos pelos.

Foliculite Pitirospórica - Comum em adolescentes e homens adultos é causada por um fungo que causa inflamações avermelhadas, que coçam, nas costas e no peito. Atinge, às vezes, o pescoço, ombros, braços e face.

Fonte: SBD ( Sociedade Brasileira de Dermatologia).


PREVENÇÃO


  • Manter a pele limpa, seca e livre de escoriações ou irritações pode ajudar a prevenir a foliculite.
  • Certas pessoas são mais propensas a infecções, como que possuem diabetes.
  • Manter a pele hidratada pode evitar a formação da Foliculite. 


PRODUTO INDICADO


Buona Vita desenvolveu um produto para inibir o crescimento de pelos, o Depilare 140ml (uso profissional) ou de 15 ml ( uso home care), atuando também como preventivo da foliculite e também no surgimento de hipercromias (manchas).Possui um blend de ativos que diminui a densidade e velocidade de crescimento dos pelos, aumentando assim o intervalo entre as depilações além de ter efeito recuperador do tecido.

Ativos:

· Alantoína que tem ação cicatrizante, calmante, amaciante de tecidos e renovador celular. Esse ativo favorece a proliferação celular acelerando a regeneração da pele lesionada, proporciona uma rápida epitelização em zonas lesionadas da pele ou submetidas a um grande desgaste. Assim, desaparecem os estados irritativos da pele, asperezas, e outras manifestações antiestéticas. Pode também ser aplicado em peles sensíveis, de crianças e bebês. Devido ao seu poder cicatrizante, esse ativo também tem efeito calmante, combatendo a sensação de prurido durante a fase de cicatrização.

· Decelerine que atua nas células do folículo piloso enfraquecendo a formação do novo pelo, diminuindo gradativamente a densidade e a velocidade de crescimento do pelo. Ao mesmo tempo proporciona efeito suavizante, hidratante e anti-inflamatório.

· TGP-2 peptídeo, um Oligopeptídeo ( uma cadeia de aminoácidos) derivado do fator de Crescimento Transformador (TGF) que possui ação seletiva e proporciona clareamento da pele, tendo ação despigmentante e anti- inflamatório (diminui a incidência de manchas decorrentes de processos inflamatórios) e retarda o crescimento de pelos por induzir a fase catágena do crescimento capilar simultaneamente


Modo de Usar:

Aplicar o produto na região que foi depilada (perna, virilha, axila, buço) espalhar com ajuda das mãos, até completa absorção. Aplique o produto diariamente e logo após a depilação. Indicação: Coadjuvante para protocolos de depilação, clareamento de axilas, virilha e buço.

Gostou da dica de hoje?
Deixe aqui o seu comentário.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.