About Me

Dicas para evitar errar na hora de aplicar iluminador no rosto


Não dá para negar: o iluminador é o item que não pode faltar na maquiagem. O produto é capaz de iluminar a maquiagem e destacar as partes mais altas do rosto, garantindo um brilho poderoso em qualquer produção. A técnica se tornou queridinha das mulheres que se interessam por make, mas, muitas vezes o excesso de produto ou a falta de leveza no pincel podem gerar o efeito contrário e comprometer o visual. Reunimos os 6 erros mais comuns na hora de usar iluminador para evitar que isso aconteça. Confira abaixo!

1) Aplicar o produto nos pontos errados do rosto

O erro número 1 na hora de usar o iluminador é escolher os pontos errados para destacar no rosto, como o queixo e a testa. Além de deixar o rosto mais brilhoso, o hábito pode fazer com que as áreas que realmente precisam de iluminação passem despercebidas, acabando com o aspecto natural da make. Independente da textura do produto, o ideal é dar um toque de brilho nas áreas mais altas do rosto, como o nariz, as maçãs do rosto e sobrancelhas.

2) Não esfumar corretamente

Outro hábito que pode arruinar a sua make iluminada é aplicar o iluminador e esquecer de esfumá-lo por completo, resultando em um aspecto pesado. Para garantir um look natural, a dica é apostar em pincéis finos e de cerdas macias, como o vassourinha, e espalhar fazendo movimentos de rápidos e curtos. Além disso, também vale usar o truque da esponjinha umedecida para espalhar bem o pó.

3) Exagerar na hora da aplicação

Depois de descobrir os pontos certos para aplicar o iluminador, você não pode cair no erro de exagerar na dose. Lembre-se: o objetivo é conquistar um look natural. Além disso, é importante não pesar a mão com efeito brilhoso em elementos da maquiagem, como blush, para garantir um visual harmônico.

4) Combinar iluminador com pó bronzeador

Um erro frequente entre as makeup addicts é combinar o pó bronzeador com iluminador. Ainda que seja comum utilizar o pó bronzeador na hora de fazer o contorno, unir os dois produtos em uma mesma maquiagem pode pesar o visual e apagar o brilho do iluminador. Por isso, a regra é clara: opte por um ou outro.

5) Usar a cor errada para o seu tom de pele

Na hora de escolher um iluminador para chamar de seu, é importante levar em consideração o seu tom de pele. Por isso, mulheres negras, morenas e mais branquinhas devem fazer escolhas diferentes. Para as morenas, o ideal é apostar em tons do dourado escuro ao bronzer. Já as donas de pele negra, os produtos com fundo rosado são a melhor opção. Por fim, as mulheres de pele clara podem (e devem) apostar em tons de champanhe e pêssego para garantir um glow impecável.

6) Escolher a textura errada para o seu tipo de pele

A variedade de iluminadores pode gerar uma série de dúvidas na hora de escolher o seu preferido. Mas, a verdade é que, assim como acontece com as cores, existem texturas específicas para cada tipo de pele e suas necessidades. Para quem possui a pele oleosa, o iluminador em pó é o mais indicado. Já para as donas de pele mista ou seca, os iluminadores líquidos e cremosos são o match perfeito.

Postar um comentário

0 Comentários

Curso Maquiagem na Web

https://go.hotmart.com/W14915353E